Gosto de santas, de putas e de putas armadas em santas

Amo o que muda, o que se transforma
que renasce, que se inventa e reinventa
quem chora desesperada, quem ri à gargalhada
quem dança na chuva, quem canta desafinada
quem beija no meio da rua e fode no meio do nada
Amo quem gosta de vermelho ao acordar, 
azul ao por do sol e branco ao luar
Quem bebe chá com muito açucar e café amargo
Vinho aquecido e rum bem gelado
Gosto de ver dançar ballet numa casa de strip
Gosto de santas, de putas e de putas armadas em santas
Amo ver o sol nascer na praia, 
perdido em bebida gritando uma canção
com um corpo despido ao lado
de ver o por do sol tranquilo, isolado
na paz, meditação.
Gosto de Cristo, da Cruz, 
Das virgens, de virgens prestes a deixar de o ser
da Madalena e das companheiras de bordel
Gosto de Buda e de santos
gosto de noites de sexo em quartos de hotel.

Gosto de tudo e de nada, gosto de estabilidade, porque como dizia a canção, “nada é mais estável que a mudança”

Giacomo Casanova do Bairro Alto

Image

About nunoserra6

A falta de Amor é a maior das pobrezas
This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Partilha a tua paixao, comenta

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s