Eram 14:43

Eram 14:43 
quando te vi pela primeira vez
Sentada, livre, distraida
tropeçaste sem querer na minha vida.

Eram 14:43
cruzamos o olhar e pensamos, Talvez…
esse talvez foi um olá
e um convite para um chá

Eram 14:43
sentados na esplanada
trocamos piadas, olhares
riamos á gargalhada

Eram 14:43
e o chá deu lugar a sangria
tu falavas, eu sorria
e o tempo parou naquele dia

Eram 14:43
quando no meio de um talvez
acariciei os teu lábios 
e beijei-te a primeira vez

Eram 14:43
passeamos pela baixa e subimos ao chiado
tu com sorriso envergonhado
eu com olhar apaixonado

Eram 14:43
sentados no cais das colunas
o sol caia sobre o tejo
eu e tu e outro beijo

Eram 14:43
o tempo parou de verdade
eu e tu não temos idade
apenas este minuto de eternidade

Eram 14:43
vi-te pela ultima vez
a tua mocidade perdida
depois de anos juntos ao por do sol

Eram 14:43
nem chá, nem rum nem sangria
sem ti é só uma hora vazia
a solidão escura do meu dia-a-dia

Giacomo Casanova do Bairro Alto

Image
 
 

About nunoserra6

A falta de Amor é a maior das pobrezas
This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink.

Partilha a tua paixao, comenta

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s