era assim o mundo que eu queria

e era assim o mundo que eu queria, o mar, a areia da praia tu que corrias e saltavas, quatro filhos e dois cães.
e depois em casa cozinhava para os seis e a mais velha metia velas na mesa e os mais novos faziam um desenho surpresa.
e na noite escura eles dormiam, protegidos pelo anjo da guarda.
e nós na sala, deitados no chão, faziamos amor, ou viamos televisão, abraçados, enrolados.
e lá fora a chuva só molha quem não ama e o sol não brilha para quem inveja.
e ao acordar,saber que nada disto era um sonho, que o mundo não é um lugar tristonho.
e passados setenta anos, sempre deitados na sala a ver televisão, enchiamos de velas o nosso chão, falavamos das viagens que fizemos, dos sorrisos que demos, das canções nos comboios e nas estações.
e os nossos netos, deitados ao nosso lado, acordavam a cantar, rock, pop e fado
e então o fim não tinha importância, não era nenhum mal, porque o nosso mundo foi especial.

Giacomo Casanova do Bairro Alto

Image
 
 

About nunoserra6

A falta de Amor é a maior das pobrezas
This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Partilha a tua paixao, comenta

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s