Se querem saber de amor, falem com o tipo do bar

Se querem saber alguma coisa de amor não liguem ao que escreve um escritor, esse fala de poesia porque na maior parte dos casos teve uma vida vazia ou então apregoa versos á toa porque vão de moda, porque a vida essa é foda.
Se querem saber de amor, falem com o tipo do bar. Ele é escritor do dia a dia, vê o que um escritor não confessa, as negas, os cortes, as figuras de parvo, as noites em que se tenta engatar e se acaba na casa de banho a vomitar. O tipo do bar tem dotes de artista, não é um simples malabarista, ele capta o feeling no ar e qual cupido trata de nos aproximar, e quando a beleza não a favorece ele dá-nos um shot que nos aquece e nos tolda a visão, e aquele camefeu passa a ser um avião. é o tipo do bar que nos faz conversar, que faz sentir em casa um divorciado, apresenta-lhe sempre quem está ao lado, depois está a ti seres o principe encantado. Por isso meus amigos já sabem, se quiserem saber de amor, não procurem William Shakespeare ou poemas de autor, procurem um barman e brindem bem alto.. á nossa Casanova do Bairro Alto

A foto foi retirada da página de um amigo e um dos barman’s portugueses que neste momento está a fazer uma importante carreira internacional, convido-os a seguir a página Iceland Flairbartender-Bruno

154559_290578924474562_4791229749773922826_n
Giacomo

About nunoserra6

A falta de Amor é a maior das pobrezas
This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Partilha a tua paixao, comenta

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s